JOVENS SOIS FORTES?

JOVENS SOIS FORTES?

(I João 2,14)

A juventude é uma fase de nossas vidas, onde temos muitos sonhos e o potencial para realiza-los, pelo menos grande parte deles. O primeiro requisito da juventude é o sonho e, consequentemente, a disposição que temos para realiza-los, embora seja muito comum que o jovem se embriague de utopias, o que não pode passar despercebido é que nele está a semente do amanhã.

O desafio do jovem em nossos dias não é sonhar, afinal, os aparatos midiáticos permitem aos jovens verem seus sonhos em 3D, isto é, a internet lhes permite visitar, ainda que virtualmente, vários países, universidades, falarem com os artistas preferidos, terem a sensação de dirigirem o carro ou a moto de seus sonhos, enfim são infinitas as possibilidades; contudo o maior desafio está justamente em se projetar, sair do imaginário para adentar no real.

Se a mídia proporciona grandes e benéficas coisas aos jovens, vale alertar, ela também lhes implanta um vírus maligno, chamado letargia! É muito comum nas escolas ouvirmos jovens narrarem seus sonhos, narrativas belas e diversificadas. Uns querem ser médicos, outros advogados, outros engenheiros, outros agricultores, veterinários, policiais e a lista que se segue é enorme, não podemos esquecer os “natimortos”, aqueles que não querem ser nada, tem preguiça até para comer, são tão preguiçosos e acomodados que o diabo tem medo de chegar perto deles e se contaminar. O diabo da modernidade não tem rabo e chifres, ele tem varinha de condão!

O que podemos esperar de uma juventude que não para, para ler, para pensar, para ouvir, que não investem tempo e atenção para aprender. Se São João estivesse em nossos dias, com certeza não diria: sois fortes; mais gritaria: sois fracos, sois lentos, sois lerdos! Acordem! A geração de jovens que estamos vendo surgir ao invés de nos gerar esperança, nos dá medo (graças a Deus temos exceções). O que esperar de um jovem que almeja ser médico e não é capaz de ler um livro? Não desgruda do celular? Que acredita que a boa formação vem das frases curtas do facebook? Que constrói seu aparato moral nas letras de músicas funk? Se essa “sociedade” (mentalidade) não lhe amedronta é porque você não consegue olhar do lado de fora dela!

Cazuza relatando o triste fim dos heróis que o animavam dizia: Ideologia eu quero uma pra viver! E você jovem, tem uma ideologia para viver? Nós somos movidos pelo que pensamos e arrumamos força no que almejamos. A vida é bela e precisa ser vivida intensamente! Não há mal algum em namorar, participar de festas, praticar esportes, ter conexões em diversas redes sociais etc. O mal está em não perceber que tais circunstâncias são trailers de nossas vidas e não o filme inteiro! Você é produtor e diretor desse filme, você também é o protagonista, e o sucesso de longa metragem está no roteiro que você está seguindo.

Seja ousado, seja leve, seja forte, seja jovem! Trace um roteiro para sua vida, lembre-se, os galãs e as divas das novelas não tem corpo escultural sem atividades físicas, sem alimentação saudável, sem disciplina! A força do jovem está em sonhar e sua fraqueza em não realizar! Desperta! Acorda! Olhe para sua vida, pergunte-se o que você quer dela, o que vai fazer com ela. O mundo espera muito de você, contudo não tema em decepcioná-lo, antes, tema em se decepcionar! Dos males da modernidade o pior deles com certeza é a falta de sentido na vida. Falando nisso, qual o sentido da sua vida?

Autor: José Carlos Faria – Carlinhos – Teólogo – Comunidade Javé Nissi

Comunidade Javé Nissi